quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Nem 8 nem 80

Recordo-me que pouco depois do Vasco nascer houve necessidade de ir às urgências do nosso hospital com ele,  por causa da icterícia lembram-se? Naturalmente o bebé teve fome, mas não havia lugar decente onde eu pudesse dar a maminha à vontade (já que aquilo é um entra e sai de tanta gente), não me sentia nada confortável com toda aquela experiência que para mim só tinha começado há uma semana e até porque na altura ainda usava o mamilo de silicone, outro apetrecho que tinha de colocar! Tive eu mesma, de improvisar um cantinho servindo-me de uma cama para observação de doentes vazia, puxei uns cortinados e lá fiquei. 

Na semana passada já dominando a técnica da amamentação (óbvio!!) e mais segura de mim (descarada, é o que é), fui com o bebé para efectuar vacinas no centro de saúde e na sala de espera haviam outras recém-mamãs e grávidas. O bebé estava com fome por isso decidi amamentar naquela sala de espera catita e sem reboliços alguns. O meu intuito era amamentar discretamente ali mesmo de forma a “publicitar a amamentação” se assim se pode dizer! Mas não é que apareceu a simpática da colega a insistir para eu ir amamentar no cantinho da amamentação de modo a ficar mais confortável (nas suas palavras). Apesar de eu ter tentado dissuadi-la do seu convite, ela foi mais insistente e lá fui eu recambiada para o dito “cantinho”! 
Sinceramente não gostei! Acho que só fiz papel de ursa… a cena mais pareceu uma advertência e um castigo do que um cuidado por parte da enfermeira!!  
Fail!
Num lado tão poucos cuidados... noutro são demasiados!

1 comentário:

  1. olha, olha... realmente! ainda por cima estavas ao pé de outras mães... enfim...

    ResponderEliminar

Lilypie Premature Baby tickers