segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Gratidão...

Ao ir ao centro pediátrico do meu filho, deparei-me com um idoso que costuma estar pelas redondezas a pedir esmola, acho que até tem tecto para morar, mas não tem trabalho e passa dia após dia naquele parque de estacionamento a ajudar a guardar carrinhos de compras, faça chuva, faça sol, em troca de dinheiro. O Zeus sempre ajudou com a moedinha do carrinho, ele já me tinha contado.
Hoje cruzei-me com ele, maltrapilho, sujo e desgrenhado como sempre, mas de sorriso dócil... isso é fácil reconhecer! Na altura, não levava carteira, tinha deixado tudo no carro, afinal não me ia demorar. Mas no meu regresso ao carro, lá estava o senhor encostado a um canto nem sei bem a fazer o quê... e não pude evitar cumprimentá-lo:
Eu: Olá querido [acho que as palavras exactas foram "K'amôooorr"] , desculpe incomodar-lhe!! Eu não tenho nada aqui comigo, mas pode vir até ao meu carro para que lhe possa ajudar um pouquinho?!
Ele, levantou-se prontamente: Oh senhora [eu senhora??... lol] não precisa pedir desculpa eu é que lhe agradeço...
No caminho lá me foi contando a vida e justificando-se pelo porquê de chegar àquele limite...
Ao chegar ao carro, saquei tudo o que tinha (não costumo ter dinheiro na carteira, além de trocos, mas sabia que tinha dinheiro porque previamente  já tinha levantado para abastecer o carro) e entreguei-lhe... pedindo-lhe apenas que lhe desse bom uso!
O senhor desfez-se em lágrimas e soluços, como se tivesse ganho o euromilhões! Disse-me coisas tão bonitas que soube naquele momento, que um gesto tão pequeno na minha vida, tivera um impacto tão bonito no dia dele...
Foi mesmo um consolo de alma... e isso basta-me!
Sinceramente, nem ia fazer este post, acho que devemos "dar" caladinhos e desprovidos de qualquer 2ª intenção, mas a gratidão dele, mexeu muito comigo... fui pelo caminho todo a choramingar de emoção... acho que acabou tendo mais impacto em mim do que nele!!
Agradeço todos os dias o pouco que tenho (material e espiritualmente)! Damos aspectos banais das nossas vidas como fáceis e garantidos... enquanto tantas outras pessoas rezam pelo mesmo... Isso entristece-me... Mas por outro lado, temos o poder de fazer mudar a vida de outra pessoa (ou apenas o dia), com gestos tão simples... como devolver o sorriso a alguém ou fazer aquele elogio que até não quer calar nas nossas cabeças...
Gosto tanto, pá!! :)


2 comentários:

  1. Eu desde o dia que dei uma charmosa fatia de bolo de chocolate a um mendigo e vi o q deitar no caixote do lixo, nunca mais dei esmola nenhuma, muito menos dinheiro.
    O homem vem ter cmg pedir dinheiro porq tinha fome, eu dei-lhe a minha enorme fatia de bolo (reservada para o lanche) e ele assim que vira as costas mete no lixo??!!? tem dó.
    Mas, este teu caso, deve ter sido de uma gratidão espiritual ....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim como há pessoas gratas também há as ingratas!
      Eu continuo a ter fé nas pessoas...

      Eliminar

Lilypie Premature Baby tickers