quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Note to myself...

Porque é que insisto em levar o Baby para a praia?

Epá, amo-o de paixão mas vivo no constante conflito: Levo-o ou não o levo?

Se não levo fico inevitavelmente a pensar nele com remorsos nos primeiros 5 minutos de sol, areia e mar... Além do mais tenho de sair mais cedo para o ir buscar antes da creche fechar.

Se o levo, apesar dele até ser um bebé bem comportado de forma geral, fico apoquentada com tanto sol (enquanto ele passa a vida a sair da tenda e a tirar o chapéu), não aproveito o mar, porque o Vasco chora com medo, não consigo apanhar sol descansada porque tenho de estar com os dois olhos nele. Mas o pior é toda uma logística que ir à praia com o Baby implica: tenda de praia, comes e bebes, brinquedos, fraldas  e roupa extra, toalhitas, toalha para o bebé... mais as minhas coisinhas... é muita coisa para uma pessoa pequenina (além dos 10 kgs do Baby no colo)...
Enfim nada como sairmos os 3 para sítios assim, ou na melhor das hipóteses poder deixar o Baby com alguma das avós!  

7 comentários:

  1. Olá Andreia!!!Eu desisti de levar a Matilde para a praia, pois nunca há sossego, por isso, optei por ir para a piscina (pesqueiro), levo apenas 1 brinquedo para ela e a bóia apropriada para baby, e ela adora e os papás aproveitam o mar tbm. Quanto à tenda desisti disso, prefiro de 30 em 30 min. colocar protetor solar.
    Porque não experimentas o levar para piscinas naturais?
    Quando quero a tirar da água...ui que birra...que choro...mas por eles vale tdo.
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola querida. beijo à matilde!
      Olha querida fui lá uma vez este ano e não volto lá... nem sozinha quanto mais com o bebé, a água é mais "pesada", mais fria e sabe a petroleo... Deus me livre de me banhar por ali!
      De resto a tenda é super pratica e protectora mas não dispensa o protector variadas vezes enquanto lá estamos :)

      Eliminar
  2. Por acaso, nunca notei sabor a petróleo, mas quando notar isso, claro que tbm deixo de ir. A água fria, acho que nós é que a cahamos demasiado fria, a Matilde é sempre a primeira a ir à água, o que me obriga a ir tbm brrrrrr.
    Mas se tiveres oportunidade, experimenta a ir de manhã, so vou lá de manhã (infelizmente pq a vida me permite).
    Deixa que te diga, o Vaquinho está um borrachoooo!!!

    ResponderEliminar
  3. Olá...eu sei bem o que isto é...no fim do dia em vez de termos relaxado na brisa do mar,sentimo-nos stressadas....e eu que tenho dois...o Alex com dois anos e meio,e o Lucas com um ano acabadinho de fazer.Estou de ferias(quase a acabar)e no entanto sinto-me super cansada,adoro mar,praia ,bronze enfim .....ja la vai o tempo em que praia era só trabalhar po bronze e banhocas,agora nao tenho descanso,enquanto o pai por sua vez,relaxa deitadinho na sua toalha,eu nao paro sossegada um minuto ou é o pequenino a gatinhar fora do guarda sol,ou a por areia na boca,ou a tirar o chapeu constantemente,fica aborrecido tenho-o que o fazer dormir,é o Alex que por sua vez esta sempre a fazer mal ao irmao(na sua inocência claro),nao esquecendo o lanche.Ahhhh!!!e ao sair de casa pareço,pareço que levo metade da casa comigo....Por vezes opto por deixar o pequenino com a minha mãe...mas é como a Andreia disse logo vem o remorso,até parece que estou abandonando o meu filho....e quando estou na praia estou sempre a pensar nele....E depois começo a pensar..."daqui uns anos vou desejar que eles sejam pequeninos outra vez...e vou achar que nao estive o tempo suficiente com eles quando tive oportunidade"...simmmmm....porque com o ritmo da vida:casa-trabalho,trabalho-casa,e pelo meio as tarefas que infelizmente uma mulher tem desde ter a casa organizada,comidas,etc,etc....nao esquecendo das roupas,porque quem tem bebes sabe que a roupa parece esta sempre a duplicar...

    Por isso digo, é pá, custa muito e desde o momento que temos filhos,principalmente os primeiros anos(dizem as mais experientes no assunto)a nossa vida muda muito,nao a gozamos como antes,mas se nao for nestas ocasiões,como férias,folgas,enfim todo o tempo livre que tivermos para estarmos com os nossos filhos...o tempo passa tão depressa que num estante eles crescem...e depois o tempo nao volta atrás......

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não modifico nem uma palavra sua!
      Beijinhos é uma grande mulher e fantástica mãe!

      Eliminar
  4. À conta da minha princesa ainda não senti a areia nos pés nem o mar neste corpinho sedento de praia :(

    ResponderEliminar

Lilypie Premature Baby tickers