sexta-feira, 12 de abril de 2013

Ironico

Todo ele método Estivil escarrado!! 
Não é que tenha nada contra quem defenda este princípios .. mas eu não lhe chamaria de erros... chamaria de instinto! Prefiro seguir o meu instinto de mãe...
Não é minha intenção criar um anarquista... mas por enquanto se ele quer colo, ele tem-no, se ele procura segurança na cama dos pais ele encontrará, se ele quer ser ninado ele será, se ele quer maminha de noite ele tem...
No worries, no stress... tudo isso durará tão pouco e se não aproveitar o meu menino agora quando o farei!?

7 comentários:

  1. Não sou mãe, mas se há coisa que me deu prazer enquanto a minha afilhada era bebé, era, como eles dizem, "chacalhoar" a menina no meu colo pela casa até ela adormecer. Sentia-me feliz e era reconfortante para ela de certeza.
    No verão, já estava doida para embalar (eu chamo assim) a minha priminha pequenina e não me deixaram por causa destas regras todas aí descritas.
    Enfim... Ao meu embalarei muito :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho que vou ser uma mãe-galinha super peganhenta. Os meus pais fizeram comigo (1ª filha) o que estás a fazer como Vasco e o "único" senão é que odeio, desde sempre, dormir sozinha. E sim, sou super mimada. LOL

      Eliminar
  2. Concordo plenamente! Isto de dizerem com 1 ano tem de fazer isto, com 2 tem de fazer aquilo e tem de deixar de fazer isto e isto também não concordo. cada criança é uma criança e cada um tem o seu tempo, o seu ritmo. Nada de stresses que tudo passa com o tempo. Eles crescem tão rápido que só temos de aproveitar.

    ResponderEliminar
  3. Sem duvida não há nada melhor que ter o nosso bebe nos braços e vê-lo adormecer, ainda falta umas semaninhas para conheçer o meu bebé mas tudo o que lhe quero dar e muito colo sempre que assim o meu menino desejar :)

    ResponderEliminar
  4. O instinto de mãe nunca, mas nunca falha e tu tens de fazer exactamente aquilo que funciona para a vossa familia e que se encaixa nas vossas rotinas diárias.

    ResponderEliminar
  5. Eu também fui mãe como a Andreia. Ninei, embalei, dei muuuuito colo e muita maminha também...Acho que carinho, amor, proteção e segurança nunca são demais , ainda mais para quem está a começar a vida!

    ResponderEliminar

Lilypie Premature Baby tickers