sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Que terá acontecido?

Ainda sobre o senhor com o qual cruzamos na neonatologia aquando do internamento do Vasco!
Lembramo-nos dele e da sua esposa pela situação difícil por que estavam a passar. O casal havia tido uma gravidez e parto normais, e um primeiro filho saudável e perfeitinho que nascera com 40 semanas de gestação. Uma semana depois de ter estado em casa, foi reinternado por uma infecção grave... tendo ficado com, prováveis graves, sequelas cerebrais... Hoje pergunto-me sobre este bebé e estes pais. O quão difícil foi toda aquela situação, o quanto sofreram... vimos na cara deles o cansaço, angústia, dor e medos espelhados. Mas também vimos neles o verdadeiro amor, a verdadeira força, a coragem. Testemunhamos o quanto aqueles pais acreditavam que o amanhã seria bem melhor para o filhote deles... E espero mesmo que sim... que o mundo seja generoso e gentil com aquele anjinho e que ele se supere e nos surpreenda!

4 comentários:

  1. Eu quando estive no hospital, a rapariga da minha cama ao lado não tinha o filho com ela, estava na neonatologia. Uma noite, ouço, uma voz fria que diz "o seu filho vai agora para outra Unidade, não está bem e não deve sobreviver" ... gelei... petrifiquei! Todas as noites ela chorava, ela soluçava, eu todas as manhãs pedia desculpa pela minha filha que chorava e ela olhava para mim como quem diz "já o meu chorasse assim". Foi das experiências mais marcantes da minha vida :(

    ResponderEliminar
  2. Credo Pirilampa...que história... :( coitada!

    ResponderEliminar
  3. no dia seguinte ke a minha filha nasceu entrou uma rapariga nova e por acaso reparei ke vinha sozinha.Perguntei a uma enfermeira e ela disse ke não sabia o ke se passava...Nesta mesma noite sentimos uma senhora a chorar muito...fiquei um pouco assustada...Na manha seguinte a enfermeira disse-nos ke o menino dela não tinha sobrevivido e tinha falecido nos braços dela..E para piorar a situação,nakela noite em ke ela xorava muito, tinha nascido dois meninos gémeos e colocaram no karto dela...foi muito triste...Não consigo IMAGINAR o sentimento de uma mãe kando isto acontece..temos ke dar graças a Deus por termos os nossos filhos saudáveis....Beijinho Elisabete correia

    ResponderEliminar
  4. Credo Elisabete, que história, querida!! Assistires a isso nao deve ter sido nada fácil... mas a dor daquela mãe deve ser indescritível...que horror!

    ResponderEliminar

Lilypie Premature Baby tickers